Principal / Nutrição / Alimentos / Como as bananas afetam a diabetes e os níveis de açúcar no sangue
bananas

Como as bananas afetam a diabetes e os níveis de açúcar no sangue

Se você é diabético é importante que você mantenha os níveis de açúcar no sangue o mais estável possível. O bom controle do açúcar no sangue pode ajudar a prevenir ou retardar a progressão de algumas das principais complicações do diabetes. Por esse motivo, devemos evitar ou minimizar os alimentos que causam grandes picos de açúcar no sangue, pois mesmo sendo uma fruta, as bananas possuem níveis elevados de carboidratos e açúcar, os quais são os principais nutrientes que aumentam o açúcar no sangue. Nesse caso, se você é diabético, será que você deveria estar comendo bananas? Como ela afetam os níveis de açúcar no sangue?

As bananas contêm carboidratos que elevam o açúcar no sangue

Se você tem diabetes é bom que esteja sempre ciente da quantidade e tipo de carboidratos em sua dieta. Isto porque os carboidratos aumentam o seu nível de açúcar no sangue mais do que outros nutrientes, o que significa que podem afetar as taxas de glicose. Quando esse açúcar no sangue se eleva em pessoas não-diabéticas, o corpo produz insulina, que ajuda o açúcar do corpo a se mover para fora do sangue e para dentro das células, onde ele será utilizado ou armazenado.

No entanto, este processo não funciona como deveria nos diabéticos. Em vez disso, ou o corpo não produz insulina suficiente, ou as células são resistentes à insulina produzida pelo próprio corpo. Se a glicose não for gerida de forma adequada no corpo isso pode resultar em picos de açúcar ou a elevação constante e permanente desse açúcar, uma vez que ambos são ruins para sua saúde. 93% das calorias presentes nas bananas são provenientes de carboidratos, estando estes na forma de açúcar, amido e fibra. Uma única banana de tamanho médio contém 14 gramas de açúcar e 6 gramas de amido.

As bananas também possuem fibras, as quais podem reduzir o risco de picos de glicose.

Além de amido e açúcar, uma banana de tamanho médio possui 3 gramas de fibra. Todos, incluindo diabéticos, devem comer quantidades adequadas de fibras devido aos seus benefícios à saúde. No entanto, a fibra é especialmente importante para as pessoas com diabetes, pois ela ajuda a retardar a digestão e absorção de carboidratos, o que evita picos de açúcar no sangue e melhora o controle de glicose em geral. Uma maneira de determinar como um alimento contendo carboidrato vai influenciar os níveis de açúcar no sangue é olhando para o seu índice glicêmico (IG).

O índice glicêmico classifica alimentos com base na quantidade e velocidade com que eles elevam os níveis de açúcar no sangue.

As pontuação pode ser de 0 a 100, com as seguintes classificações:

  • IG Baixo: 55 ou menos.
  • IG Médio: 56-69.
  • IG Alto: 70-100.

Dietas à base de alimentos com baixo IG são pensadas para serem particularmente boas para as pessoas com diabetes tipo 2. Isso ocorre porque alimentos com baixo IG são absorvidos mais lentamente e provocam um aumento mais gradual nos níveis de açúcar no sangue, ao invés de gerar grandes picos. Em geral, as bananas são classificadas entre baixo e médio na escala GI (entre 42-62, dependendo do estado de maturação).

Além de açúcar e amido, a banana contém algumas fibras. Isto significa que os açúcares da bananas são mais lentamente digeridos e absorvidos, o que evita picos de açúcar no sangue.

Veja também:
– 6 benefícios surpreendentes ao comer uma banana por dia

Bananas verdes possuem amido resistente

O tipo de carboidratos presentes na banana dependerá da sua maturação. Bananas verdes contêm menos açúcar e amidos mais resistentes. Amidos resistentes são longas cadeias de glicose (amido) que são “resistentes” à digestão na parte superior do aparelho digestivo. Isto significa que eles funcionam de uma maneira semelhante como a fibra, e não vão causar um aumento nos níveis de açúcar no sangue.

No entanto, eles podem ajudar a alimentar as bactérias benéficas de seu intestino, o que tem sido associado a uma melhor saúde metabólica e melhor controle de açúcar no sangue.

Um estudo recente sobre o controle de açúcar no sangue em mulheres com diabetes tipo 2 encontrou alguns resultados interessantes: Aquelas que suplementaram com amido resistente tinham um melhor controle de açúcar no sangue do que aquelas que não o fizeram durante um período de 8 semanas.

Outros estudos também tem mostrado os efeitos benéficos do amido resistente em pessoas com diabetes tipo 2. Estes incluem a melhoria da sensibilidade à insulina e a redução da inflamação. O papel do amido resistente no diabetes tipo 1 ainda não é muito claro.

Bananas verdes contêm amido resistente, que não eleva o açúcar no sangue e pode até melhorar o controle de açúcar no sangue a longo prazo.

A influencia da banana na glicose depende da sua maturação

Bananas maduras contêm amido menos resistente do que bananas verdes, e mais açúcar, que é mais rapidamente absorvido. Isto significa que bananas totalmente maduras têm um IG superior e fará com que o açúcar no sangue suba mais rápido do que das bananas verdes.

A porção por tamanho é importante

Maturação não é o único fator importante quando se trata da quantidade de açúcar na banana que você come. Tamanho também é muito importante. Quanto maior a banana, mais carboidratos você vai ter, isso significa que uma banana maior terá um efeito maior sobre o seu nível de açúcar no sangue. Este efeito relacionado à porção de tamanho é chamado de carga glicêmica. A carga glicêmica é calculada multiplicando o índice glicêmico de um alimento com a quantidade de carboidratos em uma porção, em seguida, dividindo esse número por 100. Uma pontuação inferior a 10 é considerado baixo, 11-19 é médio, e mais de 20 é elevado.

Segue o valor aproximado de carboidratos em relação aos diferentes tamanhos de bananas:

  • Banana muito pequena(15 cm ou menos): 18,5 gramas.
  • Banana pequena (cerca de 16-17 cm de comprimento): 23 gramas.
  • Banana média (18-20 cm de comprimento): 27 gramas.
  • Banana grande (21-22 polegadas de comprimento): 31 gramas.
  • Banana extra grande (23 polegadas ou mais): 35 gramas.

Se todas essas bananas estivessem maduras (IG de 62), então a sua carga glicêmica iria variar 11, para uma banana extra pequena, e 22 para uma banana extra grande. Para garantir que sua glicose não suba muito, é importante estar ciente do tamanho do da banana que você está comendo.

Bananas são indicadas para diabéticos?

A maioria das diretrizes alimentares genéricas para a diabetes recomenda seguir uma dieta saudável e equilibrada que inclua frutas. Isso ocorre porque comer frutas e vegetais tem sido associado a uma melhora de saúde e um menor risco de doenças, tais como doenças cardíacas e alguns tipos de câncer. Os diabéticos têm um risco ainda maior de apresentar essas doenças, por isso, comer bastante frutas e legumes é importante. Ao contrário dos produtos com açúcar refinado, como doces e bolos, os carboidratos em frutas como a banana são absorvidos junto com fibras, antioxidantes, vitaminas e minerais.

Mais especificamente, as bananas irão te fornecer fibras, potássio, vitamina B6 e vitamina C. Elas também contém alguns antioxidantes e compostos benéficos. Um estudo recente analisou o efeito de limitar frutas no controle de açúcar no sangue de 63 pessoas com diabetes tipo 2. Eles descobriram que ao serem aconselhados a comer não mais de 2 frutas por dia resultaram em pessoas que consumiam quase nenhuma fruta.

No entanto, eles também descobriram que comer menos frutas não melhora o controle de açúcar no sangue, perda de peso ou a circunferência da cintura. Para a maioria das pessoas com diabetes, frutas (incluindo bananas) são uma escolha saudável. Uma exceção acontece caso você siga uma dieta baixa em carboidratos para controlar seu diabetes, e mesmo uma pequena banana contém cerca de 22 gramas de carboidratos, os quais podem ser excessivos para o seu plano de dieta. Se você é capaz de comer bananas, é importante estar atento à maturação e tamanho da banana para reduzir o seu efeito sobre o seu nível de açúcar no sangue.

Veja também:
– Receita de Bolo de Whey, Aveia e Banana

Como se deve consumir banana sendo diabético

Se você tem diabetes, é perfeitamente possível desfrutar de frutas como a banana como parte de uma dieta saudável. Se você gosta de bananas, as seguintes dicas podem ajudar a minimizar os seus efeitos sobre os níveis de açúcar no sangue:

  • Observe o tamanho da porção: Coma uma banana menor para reduzir a quantidade de açúcar que você ingere em uma sessão.
  • Escolha uma banana firme: Escolha uma banana que não esteja muito madura para que o teor de açúcar seja um pouco menor.
  • Divida sua ingestão de frutas ao longo do dia: Divida a sua ingestão de frutas para ajudar a reduzir a carga glicêmica e manter o açúcar estável no sangue.
  • Comê-las com outros alimentos: Desfrute de suas bananas com outros alimentos, como nozes ou iogurte integral, para ajudar a retardar a digestão e absorção do açúcar.

Se você é diabético, lembre-se que todos os alimentos que contém carboidratos podem afetar o nível de açúcar no sangue das pessoas de modo diferente. Portanto, você deve monitorar como a ingestão de bananas afeta o açúcar no seu sangue e ajustar seus hábitos alimentares da melhor maneira .

Deixe seu Comentário!

Sobre Nutrição & Musculação

Nutrição & Musculação
É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo autoral e traduções sem prévia autorização.

Veja Também

cafe-expresso

Você sabia que seu hábito de beber café pode ser genético?

Se você bebe uma xícara de café já pensando em tomar a próxima, talvez os …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Shares
Close